UOL Notícias Notícias
 

24/11/2006 - 07h13

Kremlin: Grã-Bretanha deve investigar morte de ex-espião russo

HELSINQUE, 24 Nov (AFP) - As autoridades britânicas devem investigar a "trágica" morte por envenenamento do ex-espião russo Alexander Litvinenko, afirmou nesta sexta-feira, em Helsinque, um porta-voz do Kremlin.

"A morte é sempre uma tragédia. Agora, são os serviços britânicos competentes que devem realizar uma investigação", declarou o porta-voz russo Dimitry Peskov, em meio à cúpula entre Rússia e a União Européia, que começou nesta sexta-feira na capital finlandesa.

Alexandre Litvinenko morreu na noite desta quinta-feira, em Londres, depois de ter sido hospitalizado em 17 de novembro em circunstâncias ainda misteriosas.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -1,03
    3,146
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    1,09
    68.714,66
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host