UOL Notícias Notícias
 

11/12/2006 - 16h04

A UE decide suspender parcialmente as negociações de adesão da Turquia

BRUXELAS, 11 dez (AFP) - Os chanceleres europeus chegaram nesta segunda-feira em Bruxelas a um consenso para suspender de forma parcial as negociações de adesão da Turquia à União Européia, congelando oito dos 35 capítulos temáticos desse processo.

"Há um acordo para suspender oito capítulos", informou uma fonte européia depois de várias horas de discussão na sede do Conselho da UE.

De qualquer forma, os ministros europeus das Relações Exteriores davam prosseguimento ao debate sobre o modo pelo qual a UE avaliará os eventuais progressos efetuados por Ancara para respeitar seus compromissos com Chipre.

Chipre e Grécia, os países mais radicais em relação à negativa turca de abrir os portos e aeroportos ao tráfego greco-cipriota, pedem o estabelecimento de uma data precisa para essa avaliação, com a perspectiva de endurecimento das sanções, se necessário.

Para evitar a ira da Turquia, os 25 representantes da UE discutiam também a possibilidade de precisar em sua declaração que estão dispostos a trabalhar para pôr fim ao isolamento comercial da República Turca de Chipre do Norte (RTCN), tal como haviam prometido em abril de 2004.

Chipre sempre se opôs a medidas que rompam o islamiento da RTCN, só reconhecida pela Turquia.

A falta de consenso sobre todos estes pontos poderia afetar o acordo alcanzado sobre os oito capítulos, destacaram fontes européias.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    1,02
    3,178
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    -0,90
    67.976,80
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host