UOL Notícias Notícias
 

06/03/2007 - 17h06

Vírus H5 da gripe aviária é detectado em aves de criação do Tibete

PEQUIM, 6 mar (AFP) - Aves de criação da capital tibetana, Lhasa, testaram positivo para o vírus da gripe aviária, noticiou nesta terça-feira a imprensa estatal chinesa.

A presença do vírus H5 foi confirmada depois da morte de aves em um mercado, em 1º de março, noticiou a agência Nova China, citando o ministério chinês da agricultura.

O mercado foi fechado e as aves de criação, sacrificadas, para impedir a disseminação do vírus, enquanto os especialistas acreditam que a doença tenha sido introduzida por aves migratórias.

A presença da cepa potencialmente mortal H5N1 foi confirmada em uma fazenda perto de Lhasa em agosto de 2005, levando ao sacrifício de galinhas.

A Nova China informou ainda que três aves selvagens e dois pássaros testaram positivo para o vírus H5 na província de Fujian (sudoeste) este mês, onde uma fazendeira ficou seriamente doente com H5N1.

A cepa H5N1 matou 160 pessoas em todo o mundo desde o fim de 2003, através do contato com aves infectadas.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    0,59
    3,276
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h21

    -1,54
    61.673,49
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host