UOL Notícias Notícias
 

12/03/2007 - 07h00

Funcionários de escritório têm mais risco de trombose que passageiros de avião

WELLINGTON, 12 mar (AFP) - Os trabalhadores que passam muitas horas imóveis em um escritório têm mais risco de sofrer trombose que os passageiros de vôos de longa duração, revela um estudo neozelandês.

O estudo, coordenado pelo professor Richard Beasley, do Instituto Médico de Pesquisas de Wellington, mostra que um terço dos enfermos hospitalizados por trombose, produzida pela formação de um coágulo em um vaso sanguíneo, trabalham em escritórios e permanecem sentados durante longos períodos diante do computador.

No total, 34% das 62 pessoas enfermas submetidas ao estudo trabalhavam desta maneira, enquanto 21% haviam feito longas viagens de avião.

Algumas vítimas de trombose chegaram a passar 14 horas de um dia sentadas diante do computador. "Em certos casos, ficavam de três a quatro horas seguidas sem levantar", explica o professor Beasley.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    0,02
    3,136
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    -0,02
    75.974,18
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host