UOL Notícias Notícias
 

26/03/2007 - 13h10

Pesquisadores criam 'vareta' capaz de evitar intoxicação alimentar

CHICAGO, 26 mar (AFP) - Este talvez não seja o maior dilema existencial que exista, mas é algo muito comum: devemos jogar, com muita pena, no lixo aqueles legumes meio murchos ou um peixe que ficou mais de dois dias na geladeira ou apostar que eles são aproveitáveis e colocá-los logo na frigideira?

Em muitos casos, isso depende de cada pessoa, mas agora os pesquisadores americanos anunciaram ter descoberto uma ferramenta que poderá eliminar as dúvidas e angústias desse processo de decisão.

A ferramenta é uma vareta descartável, capaz de detectar se a comida ainda está boa para o consumo ou se representa um risco para a saúde, pondendo causar intoxicação alimentar.

Em testes de laboratório, o artefato deu um diagnóstico correto em 90% dos casos.

"Tem o potencial de mudar a maneira que as pessoas pensam sobre a qualidade de sua comida e representa um grande impacto na saúde pública", disse John Lavigne, professor assistente do departamento de química e bioquímica da Universidade da Carolina do Sul.

A varinha é feita com polímeros especiais ou o material sintético que muda de cor com a presença de elementos químicos formados por uma bactéria que cause doeças.

Estes elementos são gerados quando as proteínas da comida se decompõem e oferecem uma medição indireta da extensão da deterioração da comida, informaram os pesquisadores ao presentar neste fim de semana a descoberta numa reunião anual da Sociedade de Química Americana.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -0,54
    3,265
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    1,36
    64.085,41
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host