UOL Notícias Notícias
 

03/04/2007 - 18h53

Novo vírus da gripe é resistente ao antiviral Tamiflu, alerta estudo

WASHINGTON, 3 abr (AFP) - As novas cepas da gripe dão sinais de resistência aos medicamentos com os quais os médicos esperam poder conter uma epidemia viral, sugere um estudo publicado nesta terça-feira.

Os cientistas pesquisaram no Japão a eficácia das drogas oseltamivir e zanamivir, durante um surto de gripe tipo B no inverno (boreal) de 2004-2005.

Os estudiosos publicaram os resultados de seus estudos sobre medicamentos conhecidos com os nomes de Tamiflu e Relenza no Journal of the American Medical Association, nos Estados Unidos.

A influenza tipo B se "associa com surtos anuais de doenças e um aumento das taxas de mortalidade em todo o mundo" e o Tamiflu e Relenza são usados mais intensivamente no Japão para tratar estes surtos que em qualquer outra parte do mundo, disseram os autores do estudo.

Os cientistas "identificaram uma variação com sensibilidade reduzida às drogas em uma (1,4%) das 74 crianças que receberam oseltamivir (Tamiflu)", disse o estudo.

Em 422 pacientes não tratados, o vírus da influenza B foi isolado e "se descobriu que tinham uma sensibilidade reduzida ao zanamivir (Relenza), ao oseltamivir, ou ambos" em sete, ou 1,7%, dos casos.

O Tamiflu é produzido pelo laboratório suíço Roche e o Relenza, pelo gigante farmacêutico britânico GlaxoSmithKline. Ambos são usados para evitar e tratar a gripe.

Alguns casos de resistência ao Tamiflu em casos de influenza tipo A, que atacam tipicamente no início da temporada de gripe, já foram encontrados, mas pouca informação surgiu sobre a influenza tipo B e suas reações.

"A emergência da resistência às drogas da influenza B deveria chamar a atenção para a importância de um monitoramento contínuo das cepas no tempo e a necessidade de uma revisão freqüente de políticas de uso de drogas antivirais", diz um editorial que acompanha o estudo.

"Os vírus do influenza evoluem rápida e agilmente, o que força a futuras pesquisas de terapias antivirais que usam mecanismos alternativos de ação e apontam para diferentes objetivos o ciclo de vida dos vírus", conclui.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -0,21
    3,129
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h35

    0,04
    76.004,15
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host