UOL Notícias Notícias
 

03/05/2007 - 18h16

China poderá se tornar o primeiro emissor de gases estufa antes de 2009 (AIE)

PARIS, 3 mai (AFP) - A China poderá se tornar o primeiro emissor de gases de efeito estufa do mundo, superando os Estados Unidos, antes de 2009, disse nesta quinta-feira, durante entrevista coletiva, Noé Van Hulst, diretor de análises políticas de longo prazo da Agência Internacional de Energia (AIE). As previsões atuais sobre as quais se apóia a AIE prevêem que a China se tornará o primeiro emissor do mundo destes gases em 2009, mas "se o ritmo de desenvolvimento de suas centrais elétricas com base em carvão for mais rápido que o previsto", isto acontecerá antes do previsto, afirmou.

"Isto depende, também, do número de novos veículos na China", já que "um novo carro é vendido a cada 4-6 segundos", ressaltou.

Claude Mandil, diretor da AIE, informou que "a princípio, a China ainda está longo longe de poluir tanto quanto os Estados Unidos e mesmo que os outros países da OCDE" (Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico), mais que o problema é que as emissões de gases estufa chineses "progridem mais rapidamente que o previsto e que se deveria fazer medições".

A China é o primeiro produtor e o primeiro consumidor mundial de carbono, uma das fontes de energia mais poluentes, que alimenta cerca de 70% de suas necessidades energéticas.

O gigante asiático que, como país em desenvolvimento, não é obrigado a reduzir suas emissões de gases poluentes, já desbancou o Japão como o segundo consumidor mundial de petróleo, atrás dos Estados Unidos.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -1,22
    3,142
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h21

    0,67
    70.477,63
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host