UOL Notícias Notícias
 

09/05/2007 - 13h13

Arqueólogos encontram restos de tecidos de 2.600 anos em urna fúnebre na Grécia

ATENAS, 9 mai (AFP) - Um grupo de arqueólogos gregos encontrou raros restos de tecidos que datam de 2.600 anos em uma urna funerária de bronze, descoberta na região do Peloponeso (leste), informou nesta quarta-feira o Ministério grego da Cultura.

A urna, que também continha frutas, cinzas e alguns poucos ossos, foi descoberta em um recinto onde era erguida uma construção na cidade de Argos, 145 km a oeste de Atenas.

"Encontrar material orgânico da Antigüidade é excepcionalmente raro", acrescentou o ministério em um comunicado.

A nota destacou, ainda, a "extrema importância" da descoberta da urna, que foi datada com uma peça do século VII antes de Cristo.

Seu conteúdo foi levado ao museu local de Argos. Esta cidade era uma potência regional na época das cidades-estados gregas e era a rival tradicional de sua vizinha, Esparta.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    0,48
    3,144
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h21

    -0,53
    75.604,34
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host