UOL Notícias Notícias
 

15/05/2007 - 18h30

Conservacionistas pedem ao site de leilões eBay que suspenda comércio de marfim

BERLIM, 15 mai (AFP) - O Fundo Internacional para o Bem-estar Animal (IFAW) denunciou nesta terça-feira a existência de um comércio ativo de jóias de marfim no site de leilões eBay e pediu que este suspenda esta atividade.

O IFAW informou que contou um total de dois mil objetos ilegais de marfim à venda no eBay em Austrália, Grã-Bretanha, Canadá, China, França, Alemanha, Holanda e Estados Unidos em apenas uma semana.

Peter Pueschel, do departamento de comércio ilegal de espécies do IFAW, disse que a organização pediu ao eBay para bloquear qualquer tentativa de venda de marfim em seus sites.

"A venda de objetos de marfim na internet está florescendo devido à possibilidade de grandes lucros sem o risco de ser pego", afirmou.

"Isto dá aos criminosos a chance de comercializar jóias de marfim no anonimato", acrescentou.

O comércio de marfim foi banido em todo o mundo em 1989, em virtude de um tratado da Convenção sobre Comércio Internacional de Espécies Ameaçadas (CITES).

Os países africanos calculam que décadas de caça ilegal reduziram a população de elefantes no continente para 400.000 a 600.000 contra os cinco milhões que existiam no início do século XX.

As jóias de marfim saíram de moda depois dos anos 1970, à medida que crescia a consciência ambiental, mas nos últimos anos voltaram a ficar em evidência.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -0,54
    3,265
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    1,36
    64.085,41
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host