UOL Notícias Notícias
 

15/05/2007 - 23h26

Prefeitos americanos prometem respeitar Protocolo de Kyoto

NOVA YORK, 15 maio 2007 (AFP) - Pelo menos 500 prefeitos americanos firmaram uma declaração, na qual se comprometem a atuar para reduzir as emissões de gás carbônico em suas cidades abaixo dos níveis de 1990, como prevê o Protocolo de Kyoto, não ratificado pelos EUA.

No total, 514 prefeitos, de cidades como Nova York, Washington, Los Angeles, Dallas e Tulsa, firmaram a declaração, informou nesta terça-feira a Conferência de Prefeitos dos Estados Unidos (USCM), reunida em Nova York à margem do encontro de grandes metrópoles do mundo sobre o aquecimento global.

"Os prefeitos atuam, enquanto o governo federal mantém silêncio" na luta contra o aquecimento global, disse o presidente da USCM, Douglas Palmer, da cidade de Trenton (Nova Jersey).

"Os pedidos de intervenção para a preservação climática crescem dia a dia, tanto nas grandes cidades como nas pequenas", destacou o prefeito de Seattle (Washington), Greg Nickels, um dos promotores da iniciativa.

Em virtude do Protocolo de Kyoto, até 2012 os Estados Unidos deveriam reduzir suas emissões de gases responsáveis pelo efeito estufa em 7% abaixo dos níveis de 1990, lembra o documento firmado pelos prefeitos.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -0,31
    3,266
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    1,60
    62.662,48
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host