UOL Notícias Notícias
 

30/05/2007 - 15h55

Identificado em ratos o gene que detecta o frio

PARIS, 30 mai (AFP) - Uma experiência com ratos de laboratório permitiu identificar um gene chave que detecta o frio, segundo a edição semanal da revista científica britânica Nature.

Os roedores foram programados para nascer sem um gene que controla um canal receptor chamado TRPM8, encontrado nas fibras nervosas sensoriais da pele.

Quando a temperatura ambiente cai abaixo dos 26º Celsius, o canal é aberto para permitir o influxo de íons de cálcio nas fibras nervosas, que enviam um sinal elétrico para o cérebro.

Mas os ratos sem TRPM8 reagiram com relativa normalidade à mudança de temperatura, o que indica que não puderam distingui-lo. Só identificaram o frio quando o mercúrio se situou abaixo dos 15 graus, segundo cientistas chefiados por David Julius, da Universidade da Califórnia em San Francisco.

Em temperaturas mais frias, os roedores evitaram o contato com superfícies abaixo dos 10 graus, mas seu comportamento foi confuso.

O TRPM8 era conhecido até agora como "canal iônico mentolado" porque é especialmente sensível ao mentol, um sabor que causa sensação de frio.

Um estudo aprofundado sobre o TRPM8, junto de outros canais termosensoriais, poderá abrir o caminho para uma revolução médica, visto que também parecem agir como sensores de dor.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -1,03
    3,146
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    1,09
    68.714,66
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host