UOL Notícias Notícias
 

25/06/2007 - 14h58

Detidos 185 imigrantes em águas de Malta com ajuda de dispositivo europeu

LA VALETA, 25 Jun 2007 (AFP) - Aviões e barcos da agência de fronteiras da União Européia, Frontex, começaram nesta segunda-feira a patrulhar as águas de Malta, onde 185 imigrantes clandestinos foram interceptados nos últimos três dias, anunciaram fontes oficiais.

As autoridades maltesas informaram que entre sábado e domingo foram detidos 155 clandestinos, tendo sido interceptados hoje outros 30 em águas do Mediterrâneo perto do litoral da pequena ilha de 400.000 habitantes.

A operação "Nautilus II" conta com a participação de Espanha, Grécia, Itália, Alemanha e França, além de Malta.

O Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados (ACNUR) havia manifestado temor a um verão "dramático" para os imigrantes que atravessem o Mediterrâneo, especialmente em águas de Malta, depois do naufrágio de várias embarcações e da morte de pelo menos 35 pessoas no mês de junho.

Segundo cifras oficiais, 800 imigrantes clandestinos chegaram a Malta desde o começo do ano.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    13h10

    0,19
    3,229
    Outras moedas
  • Bovespa

    13h15

    -0,02
    74.469,67
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host