UOL Notícias Notícias
 

12/07/2007 - 23h12

Câmara dos EUA aprova início da saída das tropas do Iraque

WASHINGTON, 12 jul 2007 (AFP) - A Câmara de Representantes dos Estados Unidos aprovou nesta quinta-feira, por 223 votos contra 201, uma lei que pede ao governo que inicie a retirada das tropas no Iraque para completá-la em 1º de abril de 2008, apesar do veto anunciado pelo presidente George W. Bush.

Controlada pela oposição democrata, a Câmara insta o "Departamento da Defesa a iniciar a retirada das tropas durante os 120 dias após a promulgação da lei, para completá-la até 1º de abril, deixando apenas uma presença (militar) limitada" no Iraque.

Quatro republicanos votaram a favor do texto, enquanto dez democratas votaram contra.

Horas antes, em entrevista coletiva, Bush advertiu o Congresso que vetaria uma lei deste tipo: "tentar dirigir uma guerra mediante uma lei é a receita para o fracasso".

"Acho que podemos ganhar no Iraque, e sei que devemos", acrescentou Bush, ressaltando que "é uma guerra difícil" e "se acentuarmos nossos esforços neste momento crucial, poderemos acelerar o dia do retorno das tropas para casa".

A aprovação da retirada das tropas do Iraque, que ainda deve ser votada pelo Senado, ocorre após a publicação de um relatório da Casa Branca que desenha um cenário sombrio para o Iraque, apesar do envio de mais 30 mil soldados, em janeiro passado. Esse documento também avaliou que os progressos realizados no Iraque são "insatisfatórios".

O presidente Bush já tinha vetado um projeto de lei similar propondo um calendário para a retirada dos cerca de 160.000 soldados americanos estacionados hoje no Iraque.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    0,71
    3,168
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    -0,12
    68.634,65
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host