UOL Notícias Notícias
 

02/02/2008 - 13h33

Presidente do Chade, cercado no palácio, pode sair se quiser (líder rebelde)

NDJAMENA, 2 Fev 2008 (AFP) - O presidente chadiano Idriss Deby, cercado no palácio presidencial por rebeldes que tomaram a capital, pode sair assim que quiser, assegurou neste sábado à AFP um líder dos insurgentes.

"Supomos que Deby esteja ali dentro (na presidência). Se quiser sair, não vemos problema algum", declarou Abakar Tollimi, em uma entrevista por telefone.

"Temos o controle da situação, temos o controle da capital; há alguns focos de resistência. Eles (os soldados do governo) estão somente ao redor do palácio presidencial e disparam com armas pesadas", acrescentou Tollimi.

Deby ordenou ao meio-dia que os tanques T-55, que protegem o palácio, abrissem fogo, informaram fontes militares.

Os rebeldes chadianos se apoderaram neste sábado pela manhã de N'Djamena depois de mais de três horas de combates, mas o presidente Deby continuava resistindo em seu palácio.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    0,95
    3,157
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h28

    -1,26
    74.443,48
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host