UOL Notícias Notícias
 

10/12/2008 - 07h41

Extrema-direita volta ao governo na Suíça

GENEBRA, 10 dez 2008 (AFP) - A extrema-direita voltou ao governo suíço nesta quarta-feira, com a eleição no Parlamento para entrar no gabinete de Ueli Maurer, ex-presidente da União Democrática de Centro (UDC), um partido abertamente xenófobo e antieuropeu.

Maurer obteve a maioria necessária (122 votos de 243) depois de três votações no Parlamento.

Com a incorporação de Maurer ao Conselho Federal (governo), a ala mais conservadora da UDC volta ao gabinete quase um ano depois da saída de seu líder Christoph Blocher, em 12 de dezembro de 2007.

Maurer ocupará o lugar do conselheiro federal Samuel Schmid, que renunciou, e será ministro da Defesa.

O novo governo da Suíça tomará posse em janeiro.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    0,48
    3,144
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h21

    -0,53
    75.604,34
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host