UOL Notícias Notícias
 

17/08/2009 - 12h20

Iraque organizará referendo sobre acordo de segurança assinado com EUA

BAGDÁ, Iraque, 17 Ago 2009 (AFP) - O governo iraquiano aprovou um projeto de lei para a organização de um referendo sobre o acordo de segurança assinado em 2008 com os Estados Unidos, anunciou nesta segunda-feira o porta-voz do gabinete, Ali al-Dabbagh.

A consulta popular será realizada no mesmo dia das eleições gerais iraquianas, previstas para janeiro.

"O conselho de ministros aprovou (no domingo) a realização de um referendo sobre o acordo entre Iraque e Estados Unidos sobre a retirada das tropas americanas, que também regula suas operações" em solo iraquiano, indicou o porta-voz em um comunicado.

"O texto (do projeto de lei) foi enviado ao Parlamento para aprovação", acrescentou al-Dabbagh.

Se os iraquianos votarem 'não' no referendo, o acordo de segurança será automaticamente anulado, um ano depois da notificação oficial aos EUA, ou seja, em janeiro de 2011.

Assinado em novembro de 2008 entre Bagdá e Washington, quando George W. Bush ainda era o presidente, o acordo de segurança - que entrou em vigor no dia 1º de janeiro de 2009 - prevê a retirada total do contingente americano até 31 de dezembro de 2011

No dia 30 de junho, as tropas americanas se retiraram das cidades e áreas urbanas do Iraque. Atualmente, permanecem em suas bases e só podem intervir se solicitadas pelos iraquianos.

O referendo deveria ter sido organizado antes de julho, para que os iraquianos se pronunciassem sobre a validade do acordo, que tem três anos de duração (de 1º de janeiro de 2009 a 31 de dezembro de 2011).

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h10

    -1,42
    3,136
    Outras moedas
  • Bovespa

    16h16

    0,69
    70.497,23
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host