UOL Notícias Notícias
 
18/08/2009 - 15h07

Novas manobras militares EUA-Coreia do Sul a partir de setembro

WASHINGTON, 18 Ago 2010 (AFP) -As marinhas americana e sul-coreana realizarão a partir de setembro manobras conjuntas de confronto contra submarinos destinadas a "enviar uma clara mensagem" à Coreia do Norte, indicou o Pentágono.

Os exercícios de "natureza defensiva" serão realizados "em águas internacionais, a oeste da Península da Coreia, e começarão no início do mês que vem", explicou Bryan Whitman, porta-voz do Departamento americano da Defesa.

As manobras têm como objetivo "melhorar a preparação e a eficácia das forças americanas e sul-coreanas em caso de ataques submarinos", acrescentou.

Mas o objetivo destes testes é, acima de tudo, enviar uma "mensagem clara à Coreia do Norte: os Estados Unidos estão dispostos a defender a República da Coreia (do Sul). Nosso compromisso é inequívoco", acrescentou Whitman.

Ele considerou que vizinhos, como a China, de forma alguma deveriam ver isto como uma ameaça.

Os exercícios, cuja duração não foi especificada, fazem parte de uma série de operações lançadas em Seul -com ou sem os Estados Unidos- após o afundamento de sua corveta "Cheonan" em março por um torpedo disparado pelos norte-coreanos, de acordo com a conclusão de uma comissão investigadora internacional.

O governo de Pyongyang, que negou categoricamente qualquer participação no afundamento do "Cheonan", denunciou estas manobras e prometeu infligir aos EUA e à Coreia do Sul o "mais severo castigo já imposto a alguém no mundo", assim como "um golpe impiedoso" como resposta às manobras anunciadas.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -1,03
    3,146
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    1,09
    68.714,66
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host