UOL Notícias Notícias
 

19/08/2009 - 12h48

Bill Clinton afirma que Kim Jong-il está "surpreendentemente lúcido"

Em Washington
O ex-presidente americano Bill Clinton, que visitou a Coréia do Norte no início deste mês, afirmou que o líder norte-coreano Kim Jong-il está "surpreendentemente lúcido", apesar da crescente incerteza sobre a sua saúde, relatou nesta quarta-feira o jornal The New York Times.
  • AP Photo/Korean Central News Agency via Korea News Service

    Foto divulgada pela agência estatal de notícias da Coreia do Norte mostra o ex-presidente dos EUA Bill Clinton ao lado do líder norte-coreano Kim Jong-Il, em Pyongyang, em 4 de agosto


O ex-presidente viajou à Pyongyang em 4 de agosto para garantir a libertação de duas jornalistas americanas, Laura Ling e Euna Lee, que foram condenadas por entrar ilegalmente no território do Estado comunista.

Bill Clinton regressou na terça-feira à Casa Branca para entrega o relatório sobre a missão para Barack Obama.

Kim Jong-il, que muitos afirmam ter sofrido um acidente vascular cerebral no ano passado, parecia frágil em recentes fotografias, levando especialista a acreditar que a Coréia do Norte estava envolvida em um processo de sucessão, o que explicaria as decisões provocadoras como a retomada dos testes nucleares.

Contudo, os funcionários citados no NYT afirmaram que Bill Clinton manteve sua conversa com o ditador centrada sobre a libertação das duas jornalistas, e não sobre a disputa nuclear entre os dois países.

No que poderia ser um novo sinal de retomada das discussões, dois diplomatas norte-coreanos se reuniram nesta quarta-feira com o governador do Novo México (sudoeste) Bill Richardson, que foi embaixador dos EUA para as Nações Unidas durante a presidência Clinton.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -0,54
    3,265
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    1,36
    64.085,41
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host