UOL Notícias Notícias
 

22/08/2009 - 19h15

Lula: reunião da Unasul em Bariloche é 'grande oportunidade' para América do Sul

VILLA TUNARI, Bolívia, 22 Ago 2009 (AFP) - O presidente Luiz Inácio Lula da Silva disse nesta sábado que a próxima cúpula da Unasul, que analisará o polêmico acordo que prevê a utilização de bases colombianas pelos Estados Unidos, é uma "grande oportunidade" para mostrar que a América do Sul trabalha pela paz.

A reunião na cidade argentina de Bariloche, marcada para o dia 28 de agosto, "é a grande oportunidade que temos para mostrar que a América do Sul está construindo sua democracia e sua prosperidade, e que estamos trabalhando para que reine a paz na América do Sul", declarou Lula, que está na Bolívia em visita oficial.

Na sexta-feira, Lula ligou para Obama destacando que "que há uma sensibilidade na região, e que em alguns países esta sensibilidade é ainda maior" em consequência do acordo com a Colômbia, como informou em Brasília o chanceler brasileiro Celso Amorim.

Na ocasião, o presidente brasileiro também propôs a Obama que participe da reunião da Unasul em Bariloche, para discutir o uso de bases militares colombianas pelos EUA.

Lula discutiu o tema neste sábado com o presidente boliviano, Evo Morales, um dos mais enfáticos críticos do acordo selado entre Bogotá e Washington ao lado do venezuelano Hugo Chávez e do equatoriano Rafael Correa.

"Evo foi um verdadeiro herói na luta pela integração sul-americana, e Evo gosta, como todo bom sindicalista, de pensar antes de falar. Às vezes fala menos do que deveria, e acho que isso ao invés de prejudicar ajudou muito a conduzir a paz na América do Sul", estimou Lula.

Morales, por sua vez, afirmou que a cúpula de Bariloche será uma boa oportunidade "para debater profundamente o tema da presença militar americana na região sul-americana", reiterando sua posição de não permitir que tropas estrangeiras permaneçam no território de seu país.

"Fomos vítimas, eu fui vítima da repressão da América do Norte nesta região", afirmou, referindo-se à região cocaleira do Chapare, onde se reuniu com Lula neste sábado.

Morales começou sua vida política como líder das seis federações de produtores de coca da região.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    09h49

    -0,38
    3,166
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    -0,90
    67.976,80
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host