UOL Notícias Notícias
 
07/12/2009 - 14h38

Monarquias árabes querem acabar com o financiamento ao terrorismo

ABU DABI, Emirados Árabes Unidos, 7 dez 2010 (AFP) -As monarquias árabes do Golfo destacaram nesta terça-feira a necessidad de agir para acabar com as fontes de financiamento dos grupos terrorista, ao concluir sua cúpula anual em Abu Dabi.

Os países do Conselho de Cooperação do Golfo (CCG) - Arábia Saudita, Bahrein, Emirados Árabes Unidos, Omã, Qatar e Kuwait - assinalaram a necessidade de "atuar para esgotar os recursos de financiamento dos grupos terroristas e fazer fracassar suas aspirações criminosas", segundo um comunicado difundido ao final da cúpula.

Também fizeram um pedido para impedir que "a mídia publique qualquer coisa que incentive ou apoie tais atos criminosos".

Essa declaração do CCG acontece depois que os Estados Unidos criticaram os doadores particulares da Arábia Saudita que seriam "a principal fonte mundial de financiamento de grupos terroristas sunitas", entre eles a Al-Qaeda, segundo uma mensagem da diplomacia americana de 2009 difundido pelo WikiLeaks.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    0,48
    3,144
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h21

    -0,53
    75.604,34
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host