UOL Notícias Notícias
 

12/12/2009 - 13h23

Mudjahedines condenam atentados no Paquistão

DUBAI, França, 12 dez 2009 (AFP) - Os "mudjahedines condenaram e continuam condenando os atentados no Paquistão", afirmou um norte-americano membro da Al-Qaeda, Adam Gadahn, em um vídeo citado pelo centro americano de vigilância de sites islamitas IntelCenter."Estes atos criminosos deixam um número cada vez maior de vítimas, particularmente entre mulheres e crianças, e os inimigos do islã e dos muçulmanos os atribuem invariavelmente aos mudjahedines da Al-Qaeda", disse Gadahn."Os mudjahedines condenaram e continuam condenando estes ataques que matam e ferem indiscriminadamente muçulmanos inocentes em suas mesquitas, ruas, escolas e casas", acrescentou Gadahn, no citado vídeo."Os atentados no Paquistão fazem parte de uma campanha internacional cínica e premeditada, destinada a semear intrigas entre os mudjahedines e os muçulmanos que apoiaram durante mais de oito anos sua jihad contra os cruzados e seus aliados nas zonas tribais da fronteira do Paquistão com o Afeganistão", disse Adam Gadahn, .Há pouco mais de dois anos, o Paquistão sofre uma onda de atentados que causou a morte de 2.700 pessoas.Os atentados são atribuídos pelas autoridades ao Movimento dos Talibãs do Paquistão (TTP) próximo à Al-Qaeda.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -0,31
    3,266
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    1,60
    62.662,48
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host