UOL Notícias Notícias
 
13/12/2009 - 09h42

Terrorista de Estocolmo vinculado ao braço iraquiano da Al-Qaeda

DUBAI, 13 dez 2010 (AFP) -O autor do atentado frustrado de Estocolmo indicou em seu testamento ter atuado por estímulo do Estado Islâmico do Iraque, o braço iraquiano da Al-Qaeda, informou nesta segunda-feira o centro americano de vigilância dos portais islamitas (SITE).

No testamento, divulgado pelo SITE, Taymur Abdel Wahab, cuja identidade foi revelada pelo portal islamita "Shumukh al-islam", que publicou uma série de fotos do homem, afirma ter cumprido uma promessa do Estado Islâmico do Iraque.

"O Estado Islâmico do Iraque cumpriu a promessa feita a vocês", afirma no documento o terrorista.

Em setembro de 2007, o grupo terrorista divulgou um comunicado assinado por seu líder, Abu Omar al-Baghdadi, no qual pedia vingança contra a Suécia pelas charges do profeta Maomé consideradas ofensivas.

Também prometeu uma recompensa financeira para quem matasse o chargista sueco Lars Vilks.

Ainda de acordo com o SITE, Abdel Wahab convocou no testamento novos atentados na Europa e a 'jihad' (guerra santa).

Segundo o jornal britânico Daily Telegraph, Taymour Abdel Wahab deixou Bagdá em 1992 com destino a Suécia, e depois foi estudar na Grã-Bretanha em 2001.

Nesta segunda-feira, a polícia britânica fez uma operação em uma residência de Bedfordshire, condado ao norte de Londres, onde o suposto homem-bomba teria morado.

Segundo a imprensa inglesa, Taymur Abdel Wahab estudou na Universidade de Bedfordshire, em Luton, onde morou nos últimos anos.

A esposa e filhos do suposto terrorista continuariam vivendo em Luton, de acordo com os jornais britânicos.

No sábado, o suposto homem-bomba morreu no atentado frustrado e duas ficaram feridas em explosões em um centro comercial de Estocolmo.

A agência de notícias sueca TT e os serviços secretos do país receberam um e-mail que prometia ações contra a política da Suécia, acusada de desenvolvuer uma "guerra contra o islã", especialmente no Afeganistão, onde Estocolmo mantém 500 soldados.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    0,95
    3,157
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h28

    -1,26
    74.443,48
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host