UOL Notícias Notícias
 

19/12/2009 - 17h39

Obama elogia avanços sobre reforma da saúde no Congresso

WASHINGTON, 19 dez 2009 (AFP) - O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, elogiou neste sábado os últimos progressos realizados pelos democratas no Senado para conseguir a aprovação de sua audaciosa reforma do sistema de saúde, em uma votação final marcada para a véspera do Natal.

"Após meio século de batalhas, estamos quase conseguindo aplicar a reforma do sistema de saúde nos Estados Unidos", declarou Obama em breve discurso na Casa Branca.

"Ainda há muito trabalho pela frente", mas os progressos realizados neste sábado no Congresso constituem "um grande passo adiante", afirmou.

O último senador democrata indeciso, Ben Nelson, disse neste sábado que votará em favor da reforma, por ter conseguido a inclusão de uma disposição garantindo a proibição da utilização de fundos públicos para financiar abortos.

De acordo com a programação definida pela Casa Branca, o projeto deve ser aprovado pelo Senado antes do fim deste ano.

Na ausência de apoio republicano, os democratas precisam de 60 dos 100 votos do senado para conseguir a aprovação do texto, ou seja, de todos os 58 democratas mais os dois independentes que costumam votar com a bancada democrata.

O projeto de lei do Senado tem como objetivo fornecer uma cobertura médica a 31 dos 36 milhões de americanos que não têm, abaixar os custos da saúde e melhorar a qualidade do atendimento.

Depois de passar pelo Senado, a lei terá que ser adaptada à outra versão já aprovada pela Câmara dos Representantes, antes de ser promulgada por Obama.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h58

    -0,53
    3,128
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    -0,28
    75.389,75
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host