UOL Notícias Notícias
 
22/12/2009 - 15h10

Julian Assange, fundador do WikiLeaks, 'homem do ano' para Le Monde

PARIS, 22 dez 2010 (AFP) -Julian Assange foi escolhido o "homem do ano" pela redação do jornal francês Le Monde, que dedicará a capa e um artigo biográfico ao fundador do site WikiLeaks em seu suplemento semanal, que será publicado nesta sexta-feira.

O Le Monde é um dos cinco grandes jornais ocidentais (junto com o The New York Times, The Guardian, El País e Der Spiegel) que se associou com o WikiLeaks para publicar milhares de documentos secretos da diplomacia americana.

Assange, que passou nove dias em uma prisão britânica no início de dezembro, encontra-se atualmente em liberdade condicional com a ameaça de ser extraditado à Suécia, país que o persegue por supostos crimes de agressões sexuais contra duas mulheres, que o acusam de impor relações sexuais sem preservativo.

Os internautas do Le Monde também elegeram Assange como "homem do ano", com 56,2% dos votos, na frente do prêmio Nobel da Paz Liu Xiaobo (22,3%) e do americano Mark Zuckerberg (6,9%), fundador do Facebook.

A revista americana Time nomeou na última semana Mark Zuckerberg como "homem do ano", apesar dos leitores da publicação terem escolhido Assange.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    0,71
    3,168
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    -0,12
    68.634,65
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host