UOL Notícias Notícias
 
02/01/2010 - 14h16

Argentina quer ser primeiro país visitado por Dilma: chanceler

BUENOS AIRES, 2 Jan 2011 (AFP) -A Argentina considera possível que a presidente do Brasil recém-empossada, Dilma Rousseff, escolha o vizinho do sul como destino de sua primeira viagem ao exterior, disse o chanceler argentino Héctor Timerman, em declarações publicadas este domingo.

"Falarei com (o chanceler brasileiro Antonio) Patriota, mas é uma possibilidade" a viagem da presidente brasileira a Buenos Aires, disse Timerman em Brasília, segundo despacho da agência estatal argentina Télam.

Patriota tinha previsto receber na tarde deste domingo o colega argentino em sua primeira reunião bilateral após assumir o posto de chanceler.

Timerman, que esteve presente no sábado à posse de Dilma Rousseff representando a Argentina, transmitiu à presidente brasileira uma saudação enviada pela colega, Cristina Kirchner, que ficou em seu país.

"Saudei Dilma e ela certamente entendeu as razões pelas quais Cristina não veio e sabe do sentimento de amizade que Cristina tem com ela", disse o chanceler.

Timerman afirmou ainda que a presidente brasileira "mandou muito carinho e (disse) que compreendia perfeitamente o momento difícil pelo qual atravessava e que não vai faltar oportunidade de que continuemos um diálogo que já começamos faz tempo".

"Acho que Dilma vai nos dar uma grande alegria, que não vai ser tão difícil a ausência de Lula", concluiu.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -0,31
    3,266
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    1,60
    62.662,48
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host