UOL Notícias Notícias
 

14/01/2010 - 06h16

Boato de tsunami provoca pânico em Porto Príncipe

Milhares de haitianos em pânico tentaram se refugiar na madrugada desta quinta-feira em Petion-ville, subúrbio de Porto Príncipe, após um boato de tsunami.

A pé ou em carros, milhares de pessoas seguiram para Kenscoff, a parte alta de Petion-ville.

Com cobertores e crianças no colo, as pessoas tentavam abrir passagem nas ruas.

"Algumas pessoas sentiram fortes tremores. Rapidamente fez muito frio e diziam que a água estava subindo", declarou à AFP uma mulher que seguia para Petion-ville.

Alguns moradores afirmaram que a cidade costeira de Jacmel havia sido apagada do mapa por uma suposta onda gigante.

Nenhum elemento concreto permite confirmar uma elevação das águas. Testemunhas afirmaram que o aeroporto de Porto Príncipe, que fica à beira do mar, não foi atingido pelo problema.

"Alguns espalham estes boatos fantasiosos para facilitar o saque das casas", disse a gerente de um hotel que pediu para não ser identificada.

O Haiti foi sacudido na terça-feira por um violento terremoto que devastou Porto Príncipe e pode ter provocado 100.000 mortes, segundo estimativas do governo.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    0,12
    3,283
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h21

    -0,05
    63.226,79
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host