UOL Notícias Notícias
 

15/01/2010 - 08h26

ONU: 300.000 desabrigados e 10% da capital do Haiti destruída

Um total de 300.000 pessoas estão desabrigadas após o terremoto devastador no Haiti, que destruiu 10% dos imóveis da capital do país, Porto Príncipe, informou a ONU nesta sexta-feira em Genebra.

Segundo uma avaliação aérea feita por uma missão da ONU, algumas áreas sofreram até 50% de destruição, com muitas casas e prédios desabados.

"As primeiras estimativas indicam que 10% dos imóveis de Porto Príncipe foram destruídos, o que globalmente implica que há 300.000 personas sem teto", afirmou Elisabeth Byrs, porta-voz do Escritório de Coordenação de Assuntos Humanitários (OCHA).

Quase de 3,5 milhões de pessoas moravam nas zonas afetadas pelo tremor de 7,0 graus de terça-feira, também de acordo com a Organização das Nações Unidas.

No entanto, o OCHA não quis informar um balanço de vítimas e aguarda informações da Missão das Nações Unidas de Estabilização do Haiti (Minustah).

De acordo com a Cruz Vermelha, o terremoto teria provocado entre 40.00O e 50.000 mortes.

A ONU informou ainda que recebeu promessas de ajuda para o Haiti no total de 268,5 milhões de dólares.

As promessas foram feitas antes do pedido urgente de ajuda que a ONU fará nesta sexta-feira, informou Elizabeth Byrs, porta-voz do OCHA.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -0,54
    3,265
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    1,36
    64.085,41
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host