UOL Notícias Notícias
 

16/01/2010 - 09h09

Investigação sobre tiroteio em base americano sugere erros de oficiais

A investigação do Pentágono sobre o tiroteio em uma base militar no Texas que deixou 13 mortos em novembro recomenda examinar a responsabilidade de vários oficiais americanos que supervisionavam o responsável pelo ataque, o psiquiatra do Exército Nidal Hasan.

A investigação, coordenada por dois antigos comandantes militares, evidencia os "possíveis falhas ou problemas" que precederam o massacre.

"Depois da investigação, parece que vários oficiais não aplicaram as regras previstas no Exército diante de sinais de alerta", explicou Togo West, que já foi alto funcionário do ministério da Defesa, que conduziu a investigação ao lado de Vernon Clark, que já foi comandante de operações navais.

A investigação recomenda que as autoridades usem o relatório para examinar as responsabilidades e eventualmente decidir medidas disciplinares.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    0,13
    3,270
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h21

    -0,51
    63.760,94
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host