UOL Notícias Notícias
 

01/02/2010 - 09h04

Ataque suicida contra peregrinos xiítas deixa 16 mortos

Dezesseis peregrinos xiitas que seguiam a pé para a cidade sagrada de Kerbala morreram nesta segunda-feira e 38 ficaram feridos em um atentado suicida cometido por uma mulher-bomba perto de Bagdá, anunciou o ministério do Interior.

"Pouco antes do meio-dia, uma mulher-bomba detonou seus explosivos em meio a uma multidão que se dirigia a Kerbala, na região de Bub al Sham", afirma um comunicado militar oficial.

Crianças e mulheres estão entre as vítimas. O primeiro balanço registrava 13 mortos e 38 feridos.

O ataque aconteceu durante uma etapa na peregrinação, na qual os viajantes recebem bebidas.

Centenas de milhares de peregrinos xiitas chegam há vários dias à cidade sagrada xiita de Kerbala, 110 km ao sul de Bagdá.

Em 5 de fevereiro celebrarão o 40º dia dla morte de Hussein, neto de Maomé e filho de Ali, morto no ano 680 pelas tropas do califa Yazid em uma batalha no deserto de Kerbala.

Segundo a tradição, os fiéis viajam a pé até esta cidade e se flagelam em sinal de arrependimento por não terem ajudado o imã.

As mortes violentas no Iraque em janeiro chegaram a 196, praticamente a mesma quantidade registrada em janeiro de 2009 (191), segundo dados oficiais anunciados no domingo.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h58

    -0,53
    3,128
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    -0,28
    75.389,75
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host