UOL Notícias Notícias
 

11/02/2010 - 16h11

Filho de Bin Laden diz que seus seguidores são 'muito piores'

Omar Bin Laden, um dos filhos de Osama Bin Laden, declarou que, se seu pai for morto, os líderes da Al-Qaeda que o sucederão provavelmente serão muito piores, indicou a rede americana de televisão ABC News.

"Até onde eu sei sobre meu pai e as pessoas que o cercam, acredito que ele é o mais bondoso entre eles, porque alguns são muito, muito piores", disse Omar, entrevistado pela ABC News.

"A mentalidade deles quer fazer mais violência, criar mais problemas", afirmou.

Mas Omar, que escreveu um livro sobre suas experiências entitulado "Growing Up Bin Laden" ("Crescendo como um Bin Laden", numa tradução livre), disse que ele e seus irmãos romperam com o pai quando ele os incentivou a se tornarem terroristas suicidas.

"Ficamos chocados Por que nosso pai diria algo assim para nós? Depois que ele foi embora, nós só falávamos sobre isso e afirmávamos que jamais aconteceria, não é o que queremos", destacou.

Osama Bin Laden, que se tornou o procurado número um do governo americano desde os ataques terroristas de 11 de setembro de 2001, quebrou o silêncio recentemente em uma mensagem de áudio divulgada pouco após o atentado frustrado de Umar Farouk Abdulmutallab, no Natal de 2009.

Na entrevista à ABC News, Omar Bin Laden criticou a mensagem de seu pai.

"Atacar pessoas inocentes não é justo, é inaceitável. Se você tem um problema com exércitos ou governos você deveria combater estas pessoas. Isso é o que eu acho inaceitável na maneira de ser de meu pai", disse.

"Meu pai deveria falar com todas estas pessoas, pelo menos para dizer a elas que não devem atacar os civis", acrescentou.

Perguntado se havia algo que seu pai apreciava a respeito dos Estados Unidos, Omar respondeu: "suas armas", e nada mais.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -0,54
    3,265
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    1,36
    64.085,41
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host