UOL Notícias Notícias
 

11/02/2010 - 09h35

Tymoshenko acusa Yanukovich de promessas mentirosas

A primeira-ministra ucraniana Yulia Tymoshenko acabou nesta quinta-feira com três dias de silêncio desde sua derrota na eleição presidencial de domingo para acusar o candidato vencedor, Viktor Yanukovich, de "promessas mentirosas", durante um conselho de ministros.

"Depois das eleições, as mentiras começam a ser reveladas", afirmou.

Tymoshenko comentava a votação no Parlamento de um projeto de lei para aumentar as "normas sociais" que não foi apoiado pelo partido de Yanukovich, apesar deste ter prometido durante a campanha que faria o possível para elevar o nível de vida dos ucranianos.

"As pessoas devem levar isto em consideração para definir suas preferências políticas para o futuro", acrescentou.

Tymoshenko, derrotada na eleição presidencial de domingo, se nega a reconhecer a derrota e pretende entrar na justiça para impugnar o resultado da votação.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -0,54
    3,265
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    1,36
    64.085,41
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host