UOL Notícias Notícias
 

16/02/2010 - 20h36

Posição chinesa sobre questão nuclear iraniana é um 'mistério' (diplomata israelense)

A posição chinesa sobre o endurecimento das sanções contra o Irã por seu programa nuclear é um "mistério", considerou nesta terça-feira a delegada de Israel na ONU, que expressou dúvidas sobre a possibilidade de um acordo no Conselho de Segurança sobre novas sanções este mês.

No entanto, está claro que a Rússia já não hesita como antes no momento de planejar novas sanções contra a República Islâmica, considerou a delegada Gabriela Shalev, após a visita a Moscou do primeiro-ministro israelense Benjamin Netanyahu.

"Sei que os russos mudaram a sua posição", disse Shalev a um grupo de jornalistas. "Sei que os russos agora estão de acordo com a ideia de que algum limite é necessário", acrescentou a diplomata, referindo-se à rejeição de Teerã a uma proposta da ONU para desbloquear a questão.

Mas, "a China é um mistério", disse.

Também disse que, se os esforços para chegar a um consenso nas Nações Unidas não tiverem êxito, então cabe individualmente às potências mundiais se unirem fora do Conselho de Segurança para castigar o Irã economicamente.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    15h20

    -0,17
    3,131
    Outras moedas
  • Bovespa

    15h25

    -1,06
    75.166,27
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host