UOL Notícias Notícias
 

17/02/2010 - 18h12

Imã acusado de abuso sexual de meninas é preso na Espanha

Um imã acusado de abusar sexualmente de meninas para quem dava aulas de religião foi preso nesta quarta-feira no sul da Espanha, anunciou um representante do governo em Cartagena, Rafael González Tovar.

O funcionário do alto escalão disse que o imã foi detido na região e que seria interrogado por investigadores nas próximas horas.

O religioso muçulmano, de 48 anos, é acusado de abuso sexual pelos pais de cinco meninas para quem dava aulas de religião em uma mesquita na localidade de El Algar, inaugurada há um ano, segundo a imprensa.

O imã chegou a El Algar vindo do Marrocos para o Ramadã, em setembro, e depois permaneceu no local, disse o secretário da União das Comunidades Islâmicas da Espanha (Ucide) na região de Murcia, Mohammed Reda al-Qady.

O imã havia fugido há aproximadamente uma semana "porque sabia que o procuravam", declarou Rafael Tovar à imprensa local.

pal/ma/ap

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -1,03
    3,146
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    1,09
    68.714,66
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host