UOL Notícias Notícias
 

22/02/2010 - 11h28

Obama proporá nova versão de reforma da saúde

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, apresentará nesta segunda-feira uma versão modificada de seu projeto de reforma do sistema de saúde, para contornar o bloqueio da oposição republicana aos textos aprovados após uma primeira leitura no Senado e na Câmara dos Representantes.

A Casa Branca indicou que os detalhes do plano, uma das propostas centrais da campanha eleitoral de Obama, serão divulgados ainda nesta segunda-feira na internet.

Um alto funcionário do governo disse que o plano presidencial proporá um limite às altas tarifas impostas pelas seguradoras privadas. A administração federal tria assim o poder de barrar aumentos considerados abusivos.

Esta ideia parece emergir da polêmica gerada pela decisão de uma seguradora da Califórnia, que aumentará em até 39% suas mensalidades a partir de março.

A reforma do sistema de saúde é o grande objetivo de Obama, que espera dar cobertura médica a cerca de 46 milhões de pessoas que atualmente não têm acesso a ela nos Estados Unidos. O Congresso se ocupa deste tema desde meados do ano passado, e as duas casas do Congresso acabaram aprovando projetos de lei diferentes em primeira instância.

No entanto, depois que os democratas perderam a maioria no Senado em janeiro, a minoria republicana na câmara alta passou a ser capaz de bloquear indefinidamente a aprovação de qualquer projeto em segunda instância.

Com a esperança de destravar os debates, Obama anunciou que receberá os líderes republicanos e democratas do Congresso na próxima quinta-feira para tentar um acordo para um texto consenso.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h58

    -0,53
    3,128
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    -0,28
    75.389,75
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host