UOL Notícias Notícias
 

01/03/2010 - 20h31

Lula visita Chile e anuncia ajuda após terremoto

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva chegou ao Chile nesta segunda-feira para manifestar pessoalmente sua solidariedade ao povo chileno e anunciar a ajuda do Brasil após o terremoto que deixou 723 mortos no país.

"Venho para expressar minha solidariedade ao povo chileno e a presidente Michelle Bachelet, mas, especialmente, para prestar minhas condolências aos parentes das vítimas que morreram", disse Lula em entrevista concedida na pista do Aeroporto de Santiago.

Primeiro líder estrangeiro a visitar o país após o terremoto, Lula afirmou que "nós seremos solidários ao Chile, e já disse à presidente (Michelle Bachelet) que ela pode contar conosco (...) que pode me chamar a hora que quiser".

O presidente brasileiro anunciou o envio de dois grupos de resgate e de um "grande hospital de campanha, da Marinha", que deve chegar ao Chile a partir desta terça-feira em aviões Hércules.

Lula revelou que, felizmente, não há informação de brasileiros entre as vítimas do terremoto, e disse que espera a rápida recuperação do Aeroporto de Santiago para que os cidadãos do Brasil possam voltar ao país.

O presidente destacou que se a recuperação do aeroporto não for rápida, analisará com Bachelet um modo de retirar os brasileiros do Chile com o auxílio de aviões da Força Aérea Brasileira.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    0,79
    3,152
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h22

    1,18
    65.148,35
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host