UOL Notícias Notícias
 

04/03/2010 - 23h31

China abre sessão anual do Parlamento

A Assembleia Nacional Popular (ANP) inaugurou nesta sexta-feira seu período anual de sessões, que será dominado por questões econômicas e pela preocupação com uma melhor distribuição dos frutos do crescimento.

A sessão anual será realizada ao longo de dez dias, no Palácio do Povo, um enorme prédio no centro de Pequim.

O primeiro-ministro chinês, Wen Jiabao, abriu a sessão com a leitura do "relatório da atividade do governo", diante de 3 mil delegados de todo o país.

Em seu discurso, o premier informará que a China prevê um crescimento econômico "em torno de 8%" em 2010, com inflação de até 3%.

"Este é um ano crucial para continuar controlando a crise financeira internacional, manter um desenvolvimento rápido e estável, e acelerar a transformação do modelo de desenvolvimento econômico", dirá Wen Jiabao à Assembleia Nacional Popular.

No momento em que as autoridades chinesas estão preocupadas com a volta da pressão inflacionária, o governo destaca sua intenção de limitar a inflação a 3%.

Wen também deve confirmar que seu governo limitará a 7,5 trilhões de iuanes (1,08 trilhão de dólares) os novos empréstimos emitidos em 2010, e que manterá o rumo de "uma política monetária moderadamente flexível".

Os novos empréstimos somaram 9,59 trilhões de iuanes (1,312 trilhão de dólares) em 2009.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -1,03
    3,146
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    1,09
    68.714,66
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host