UOL Notícias Notícias
 

06/03/2010 - 12h00

Venezuela e Espanha reafirmam compromisso de combater terrorismo (comunicado)

Espanha e Venezuela reafirmaram neste sábado em um comunicado conjunto o seu desejo de aprofundar suas "relações frutíferas" em todos os âmbitos, incluindo "a luta contra o terrorismo", seis dias depois de uma investigação judicial ter indicado supostas relações dos venezuelanos com o ETA.

"Espanha e Venezuela declaram sua firme disposição de aprofundar suas relações amistosas e frutíferas, baseadas em uma ampla cooperação em todos os âmbitos, incluindo o da luta contra o terrorismo", indica o texto, recebido pela AFP em Caracas.

"Os governos da Espanha e da Venezuela ratificam sua mais enérgica condenação ao terrorismo em todas as suas formas e manifestações. O governo venezuelano refuta e desmente as informações divulgadas sobre uma suposta colaboração com a organização terrorista ETA, cujas atividades rejeita sem paliativos", acrescentam os dois governos no texto.

Na segunda-feira passada, um juiz espanhol denunciou que a colaboração do grupo armado basco ETA com a guerrilha colombiana das Farc para a formação de guerrilheiros contou com a "colaboração governamental" venezuelana.

Logo depois, o chefe do Governo espanhol, José Luis Rodríguez Zapatero, pediu explicações ao presidente venezuelano Hugo Chávez.

Após uma tensa troca de declarações, na sexta-feira, o mandatário venezuelano assegurou que "as coisas estavam voltando ao normal".

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h16

    -0,05
    3,173
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h23

    1,12
    65.403,25
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host