UOL Notícias Notícias
 

07/03/2010 - 23h45

Muçulmanas protestam nos EUA por separação de sexos em mesquita

Algumas mulheres muçulmanas correram o risco de ser detidas neste domingo ao tentar rezar no salão principal destinado aos homens do Centro Islâmico, a grande mesquita da capital americana no bairro das embaixadas.

"Queremos derrubar as barreiras e que as mulheres possam rezar atrás dos homens no salão principal de oração", afirmou Fatima Thompson, uma muçulmana americana convertida há 18 anos, que liderou a iniciativa.

"Somos contra a segregação por sexo", completou.

O imã que oficiava o serviço interrompeu a oração e esperou a chegada da polícia, que retirou as mulheres do local, sob a ameaça de detenção em caso de desobediência.

Elas deixaram o local e prosseguiram com a oração diante da mesquita.

O imã afirmou que as mulheres não respeitaram a lei.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    09h39

    0,11
    3,153
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h22

    -0,24
    65.179,92
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host