UOL Notícias Notícias
 

08/03/2010 - 12h09

Levará "até dez anos" para saber se EUA venceram no Iraque, diz comandante americano

O comandante das tropas americanas no Iraque, general Ray Odierno, considerou nesta segunda-feira que será necessário esperar "até dez anos" para dizer se a campanha militar dos Estados Unidos no país foi bem-sucedida.

"Não acho que vamos saber se fomos vitoriosos no Iraque antes de três, cinco ou até 10 anos", disse o general Odierno em uma entrevista concedida à rede de televisão americana MSNBC, um dia depois das eleições legislativas, organizadas pela segunda vez no país desde a derrubada de Saddam Hussein em 2003.

"O Iraque é um país democrático e estável que contribui para a paz na região? Essa pergunta valerá como teste", acrescentou. Também confirmou que o contingente americano no país será reduzido para 50.000 tropas até o dia 1º de setembro e que não restará soldado americano algum no Iraque no final de 2011.

Só uma "catástrofe" poderá alterar esta agenda, segundo o general Odierno. "Até o momento, não parece que haverá uma catástrofe", ressaltou em outra entrevista, concedida na segunda-feira à rede ABC.

No domingo, o presidente americano Barack Obama considerou que o Iraque tem pela frente dias "muito difíceis", ao mesmo tempo em que elogiou a coragem dos eleitores iraquianos por terem comparecido aos centros de votação, apesar dos ataques com bombas, obuses de morteiro e foguetes.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    0,95
    3,157
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h28

    -1,26
    74.443,48
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host