UOL Notícias Notícias
 

10/03/2010 - 08h06

Ahmadinejad faz piada sobre Gates, 'perdido a 12.000 km de casa'

O presidente iraniano, Mahmud Ahmadinejad, fez piada nesta quarta-feira em Cabul a respeito do secretário de Defesa dos Estados Unidos, Robert Gates, que também está no Afeganistão, ao perguntar o que ele faz a 12.000 km de casa.

Ahmadinejad faz piada sobre Gates, 'perdido a 12 mil km de casa'

O presidente iraniano, Mahmud Ahmadinejad, fez piada nesta quarta-feira em Cabul a respeito do secretário de Defesa dos Estados Unidos, Robert Gates, que também está no Afeganistão, ao perguntar o que ele faz a 12.000 km de casa. Quando um jornalista pediu que comentasse as declarações de Gates, que acusa o Irã de jogo duplo no Afeganistão, o líder iraniano sorriu e respondeu: "O tema é mais o que faz nesta região?".

Quando um jornalista pediu que comentasse as declarações de Gates, que acusa o Irã de jogo duplo no Afeganistão, o líder iraniano sorriu e respondeu: "O tema é mais o que faz nesta região?".

"O senhor está a 12.000 km, no outro lado do planeta. (...) O que o senhor faz aqui? É um assunto sério", disse Ahmadinejad, durante uma entrevista coletiva conjunta com o colega afegão Hamid Karzai, que se reuniu com Gates há dois dias.

"O senhor está aqui para deter os terroristas? Se está aqui por outro motivo, deve ter a coragem de reconhecer", ironizou.

Em junho de 2009, Gates acusou o Irã de desempenhar um papel duplo no Afeganistão por se considerar amigo do governo afegão, ao mesmo tempo que fornecia armas aos insurgentes que atacam os soldados da Otan.

O presidente iraniano acusou, sem citar, o governo dos Estados Unidos de utilizar o terrorismo como "desculpa" para justificar a presença no território afegão.

"Eles os planejaram, deram dinheiro, forneceram apoio de inteligência", declarou, em referência aos talibãs e a Al-Qaeda.

Questionado sobre a presença de Ahmadinejad na capital afegã, Gates afirmou nesta quarta-feira que os Estados Unidos desejam que o Afeganistão tenham "boas relações" com todos os vizinhos.

Os Estados Unidos lideraram a coalizão internacional que no fim de 2001 derrubou o regime talibã no Afeganistão. Desde então, os extremistas protagonizam uma violenta insurreição.

 

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -0,54
    3,265
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    1,36
    64.085,41
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host