UOL Notícias Notícias
 

11/03/2010 - 10h48

Argentina prende funcionários do principal aeroporto do país

O diretor da alfândega do aeroporto internacional de Ezeiza (32 km ao sul de Buenos Aire), o mais importante da Argentina, outros sete funcionários e dois policiais foram detidos nesta quinta-feira pelo crime de contrabando.

As prisões aconteceram durante a madrugada por ordem do juiz Gustavo Meirovich, que investiga o suposto pagamento de subornos para permitir a entrada no país de malas com mercadorias através do aeroporto de Ezeiza.

Carlos Mechetti, diretor da alfândega do aeroporto, é acusado de liderar o grupo que permitia a entrada ilegal de marcadorias em troca de suborno. Outros sete funcionários da alfândega e dois policiais integrariam o esquema.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    11h49

    0,08
    3,212
    Outras moedas
  • Bovespa

    11h55

    0,18
    81.106,79
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host