UOL Notícias Notícias
 

13/03/2010 - 14h24

Violência deixa 13 mortos em Acapulco

A violência ligada ao crime organizado deixou 13 mortos na madrugada deste sábado no porto mexicano de Acapulco.

Cinco policiais do município de Tulcingo foram assassinados quando um grupo de desconhecidos abriu fogo contra eles, segundo o governo local.

Outros cinco homens, dois deles decapitados, foram encontrados em uma estrada de Tres Palos, uma pequena comunidade indígena localizada ao oeste da zona turística de Acapulco.

Dois homens, decapitados e com as mãos amarradas, foram localizados na avenida Escénica, em plena zona turística de Acapulco, e o corpo de outro civil foi encontrado em uma área habitacional do porto.

O estado de Guerrero, assim como o vizinho Michoacán, é área de atualção do cartel "La Familia", considerada um poderoso e sanguinário grupo emergente do narcotráfico, que o governo dos Estados Unidos aponta como o principal distribuidor de metanfetaminas.

O governo mexicano mobilizou 50.000 militares e policiais federais em uma guerra contra os cartéis de drogas, que já mataram mais de 15.000 pessoas nos últimos três anos.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h58

    -0,53
    3,128
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    -0,28
    75.389,75
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host