UOL Notícias Notícias
 

15/03/2010 - 16h18

Presidente de partido opositor a Uribe renuncia após fracasso em eleição colombiana

O presidente do partido de oposição Polo Democrático Alternativo (PDA, esquerda), Jaime Dussán, renunciou ao cargo nesta segunda-feira por conta de seu fracasso nas eleições legislativas de domingo na Colômbia.

Dussán, que atualmente é senador, não conseguiu reeleger-se e seu partido perdeu ao menos duas cadeiras no Senado em relação à atual representação que mantém nessa corporação legislativa.

O também ex-líder sindical disse em uma carta dirigida ao presidente do PDA e candidato à Presidência, Gustavo Petro, que sua demissão é "irrevogável", e afirmou que isso se deve aos resultados das eleições.

"Nossas expectativas eram superiores, incluindo minhas possibilidades de continuar no Congresso", declarou.

Dussán foi deputado em 1982 e senador durante doze anos, sendo os quatro últimos pelo PDA, cuja presidência havia assumido havia um ano.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -0,54
    3,265
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    1,36
    64.085,41
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host