UOL Notícias Notícias
 

15/03/2010 - 20h12

Ministros da zona euro acertam plano de ajuda à Grécia

Os ministros da zona euro chegaram a um acordo na noite desta segunda-feira sobre as modalidades de um plano de ajuda financeira à Grécia, que poderá ser aplicado "rapidamente" se necessário, anunciou Jean-Claude Juncker, presidente do Eurogrupo.

"Esclarecemos as modalidades técnicas que nos permitirão empreender uma ação coordenada" para ajudar a Grécia com suas dificuldades, disse Juncker à imprensa.

Esta ação "poderá ser ativada rapidamente em caso de necessidade", declarou Juncker após reunião do foro do Eurogrupo, em Bruxelas.

Os países da zona euro "atuarão de maneira determinada e coordenada se uma ação for necessária".

De qualquer forma, "o Eurogrupo quer destacar que as autoridades gregas não solicitaram ajuda financeira a outros Estados membros da zona do euro" no momento.

O comissário europeu de Assuntos Econômicos e Monetários, Olli Rehn, afirmou que a Grécia estava agora prestes a alcançar o objetivo de reduzir este ano em quatro pontos percentuais seu déficit público, que fechou em 12,7% do PIB no ano passado.

Não foram divulgados mais detalhes sobre as medidas previstas, mas, segundo uma fonte próxima às negociações, fala-se em um montante de 20 bilhões a 25 bilhões de euros.

Juncker mencionou ajudas bilaterais de outros países da zona do euro sob a forma de empréstimos à Grécia, com taxas de juros ainda elevadas para não fazer concessão alguma e incitar o país a retornar rapidamente aos mercados para encontrar dinheiro.

No entanto, declarou que o mecanismo estudado, que tem pontos a serem ajustados, "não incluirá garantias para os empréstimos" ao país.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    0,40
    3,181
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    2,01
    70.011,25
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host