UOL Notícias Notícias
 

16/03/2010 - 12h48

EUA adverte que 2010 será um 'ano difícil' no Afeganistão

O ano de 2010 será "difícil" para as tropas internacionais no Afeganistão, advertiu nesta terça-feira o general David Petraeus, chefe das Forças Armadas americanas no Oriente Médio e na Ásia Central.

"Dois mil e dez será um ano difícil, um ano em que haverá avanços e retomaremos o controle dos talibãs em zonas importantes, mas também será um ano de duros combates e de reveses periódicos", declarou Petraeus durante uma audiência parlamentar.

Cerca de 128.000 soldados estrangeiros, sendo dois terços americanos, estão no Afeganistão, e receberão o reforço de mais 30.000 americanos até agosto. Destes, 6.000 já chegaram ao território afegão.

Como parte da nova estratégia americana voltada para intensificar a luta contra os talibãs, a Otan e o Exército afegão lançaram no dia 13 de fevereiro a operação Mushtarak na província de Helmand, a maior da aliança militar desde a queda dos talibãs em 2001.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -0,54
    3,265
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    1,36
    64.085,41
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host