UOL Notícias Notícias
 

17/03/2010 - 19h29

Líder da Al-Qaeda é morto no Paquistão

Husein al Yemeni, um importante líder da rede terrorista Al-Qaeda, foi morto em um ataque no território paquistanês, revelou à AFP um funcionário americano da Inteligência nesta quarta-feira.

"Temos informações de que Husein al Yemeni - importante planejador e organizador instalado em área tribal do Paquistão - foi morto na semana passada", disse o funcionário, que pediu para não ser identificado.

Sua especialidade era a fabricação de "bombas e operações suicidas", sendo suspeito de ter um papel fundamental no ataque contra uma base americana no leste do Afeganistão que matou sete agentes da CIA.

Yemeni teria morrido em um ataque com avião sem piloto (drone) contra a localidade paquistanesa de Miram Shah, segundo o funcionário.

A informação sobre a morte de Yemeni foi divulgada no momento em que o diretor da CIA, Leon Panetta, concedia uma entrevista ao jornal Washington Post, afirmando que os ataques contra a Al-Qaeda no Paquistão fizeram com que seus líderes fugissem, deixando a organização mergulhada na desordem.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    0,13
    3,270
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h21

    -0,51
    63.760,94
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host