UOL Notícias Notícias
 
20/03/2010 - 17h07

Obama propõe reforma política e econômica na Líbia

SANTIAGO, 20 Mar 2011 (AFP) -O presidente americano, Barack Obama, propôs uma reforma política e econômica para conseguir estabilidade na Líbia e Oriente Médio e assegurou que seu país manterá seu compromisso com a segurança, em entrevista à imprensa chilena divulgada neste domingo.

"Acreditamos que o status quo é insustentável. Apenas haverá estabilidade real na região se houver um processo de reforma política e econômica. Mantemos nosso compromisso com a segurança na região", disse Obama na entrevista publicada pelo jornal El Mercurio.

Obama completou que as últimas revoltas iniciadas na Líbia e no Oriente Médio são um "momento promissor", já que, na opinião dele, "as pessoas buscam respeito aos direitos universais. Os EUA acreditam que isso seja positivo".

"Esses são os direitos que defendemos em todo lugar, seja no Egito ou no Irã; na Líbia ou na Tunísia", afirmou Obama, que desde sábado está em visita ao Brasil como parte de uma viagem pela América Latina que na segunda-feira o levará ao Chile e, na terça-feira, a El Salvador.

Obama autorizou no sábado, em meio à visita ao Brasil, uma ação militar limitada das forças americanas na Líbia contra o regime de Muamar Kadhafi, junto a outros países europeus como Grã-Bretanha e França.

A decisão foi tomada depois da resolução de quinta-feira do Conselho de Segurança das Nações Unidas, que autorizaram o uso da força contra as tropas de Kadhafi para deter os ataques contra redutos rebeldes nesse país.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    0,29
    3,167
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h24

    -0,17
    74.318,72
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host