UOL Notícias Notícias
 

22/03/2010 - 15h05

Paquistão prende dois organizadores de atentado na ONU em 2009

Dois organizadores do atentado suicida perpetrado contra a ONU em outubro de 2009 em Islamabad, que deixou cinco funcionários mortos, foram presos, informou nesta segunda-feira a polícia paquistanesa, completando que eles preparavam outros ataques contra ocidentais.

Um homem vestido com uniforme militar entrou no local do Programa Mundial de Alimentos (PMA) das Nações Unidas em 5 de outubro de 2009 e explodiu uma bomba na recepção do prédio, matando quatro empregados paquistaneses da ONU, incluindo duas mulheres, e um funcionário iraquiano.

"Prendemos dois homens encarregados de treinar suicidas em um hotel de Islamabad, estavam planejando ataques em Islamabad", declarou à AFP o chefe da polícia da capital, Ban Yamin Jan.

"Tinham enviado dois suicidas que conseguiram atingir seu objetivo, um no PMA, e o outro diante da entrada do quartel general da marinha nacional", confirmou à AFP um alto funcionário das forças de segurança, que não quis se identificar.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    0,12
    3,283
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h21

    -0,05
    63.226,79
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host