UOL Notícias Notícias
 

26/03/2010 - 10h58

Exército paquistanês anuncia morte de 32 talibãs e cinco militares

O Exército paquistanês anunciou que matou 32 talibãs e perdeu cinco soldados nesta sexta-feira em combates em um distrito tribal, reduto dos extremistas aliados à Al-Qaeda no noroeste do Paquistão.

Os talibãs tomaram o controle durante a noite de um posto militar no distrito de Orakzai e os soldados atacaram para recuperar a posição, informa um comunicado militar.

Os combates aconteceram poucas horas depois de dois ataques aéreos que mataram 15 insurgentes na quinta-feira em Orakzai e outros 15 no distrito tribal de Khuram.

"Durante a noite, terroristas atacaram um posto militar em Kalaya, a principal cidade de Orakzai, e tomaram o controle. As forças de segurança contra-atacaram e recuperaram o controle", indica o comunicado, que divulga o balanço de 32 rebeldes mortos, além de cinco militares.

Os balanços anunciados pelo Exército nas ofensivas contra os talibãs no noroeste do país não podem ser verificados por fontes independentes, já que a região, na fronteira com o Afeganistão, tem o acesso proibido, além de muitas áreas dominadas pelos extremistas.

O distrito de Orakzai é um dos redutos do Movimento dos Talibãs do Paquistão (TTP), que se aliou à Al-Qaeda e é o principal responsável por uma onda de 360 atentados suicidas e ataques que mataram mais de 3.100 pessoas no país em dois anos e meio.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h58

    -0,53
    3,128
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    -0,28
    75.389,75
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host