UOL Notícias Notícias
 

26/03/2010 - 19h40

Morre na Colômbia menino usado pela guerrilha das Farc para levar explosivos

Um menino de 12 anos, enganado por rebeldes das Farc, para que levasse explosivos a uma delegacia de polícia, no sul da Colômbia, morreu ao ser ativada a carga que tinha junto ao corpo.

O caso foi divulgado nesta sexta-feira pelo governo que oferece recompensa para encontrar os responsáveis.

"O menino dirigia-se à delegacia quando foi visto por um agente que pediu que parasse. Ele, então, começou a correr e o artefato explodiu em seu corpo", contou o governador do departamento de Nariño, Antonio Navarro, onde aconteceu o fato.

"O menino usava o uniforme da escola. Foi uma coisa espantosa", exclamou.

O governo oferece recompensa de 100 milhões de pesos (50.000 dólares) "para quem permitir a captura dos autores materiais e intelectuais do crime".

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    14h49

    0,29
    3,155
    Outras moedas
  • Bovespa

    14h52

    0,10
    68.782,74
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host